Cirurgia Plástica Criciúma

Remoção do Melasma

MELASMA são manchas escuras que geralmente aparecem nas bochechas, na testa, no nariz e no queixo, podendo também aparecer em outras regiões, como pescoço, colo e braços.

Laser pode tratar o Melasma

Sua ocorrência está relacionada principalmente à alterações hormonais durante a gravidez ou devido à exposição solar.

Trata-se de uma condição crônica com alto índice de recidiva.

O uso da tecnologia do laser como o NDYag Q Switched, o CO2 e o Erbium apresentam resultados interessantes. Atualmente, o laser Nd-Yag Q-Switched 1064 é o mais indicado para o tratamento do melasma.

Trata-se de um laser com grande afinidade pela melanina, de forma que ele consegue destruí-la, com mínima agressão à pele.

Trata-se de um equipamento seguro, quase indolor, e que não provoca descamação na pele após a sessão.

Como a pele não fica marcada, o paciente pode seguir com suas atividades de dia a dia normalmente, o que facilita muito, já que são necessárias várias aplicações.

Apesar de ser um a nova e eficaz arma, que veio para ajudar muito no tratamento, este laser não é a cura do melasma, mas uma importante e moderna ferramenta para seu tratamento.

O tratamento é prolongado, sendo necessárias várias sessões. O intervalo entre elas é semanal. A medida em que as lesões vão clareando, as sessões vão se espaçando, até entrar na fase de manutenção, para evitar que as manchas voltem a escurecer com o tempo.

A decisão de utilizar essa tecnologia deve ser muito discutida entre o médico especialista e o paciente, analisando:

  • o tipo do melasma,
  • tratamentos anteriores,
  • se o paciente usa o filtro solar corretamente e evita a exposição ao sol,
  • se está ciente de que o laser não faz milagres , mas é um recurso que vai auxiliar no tratamento,
  • que existe a necessidade de manutenção com clareadores para uso domiciliar e algumas sessões de laser complementares.

Remoção de Melasma

Assista o vídeo e conheça detalhes sobre a remoção do melasma com Laser

Acesse nosso canal no youtube

Assista mais vídeos sobre estas e outras cirurgias em nosso canal.

Receba nossas newsletters

Preencha o formulário ao lado e cadastre-se para receber nossos informativos sobre cirurgia plástica.